Planejamento libera RSC de professores do Amapá

O Ministério do Planejamento finalizou o processo de regulamentação do Reconhecimento de Saberes e Competência (RSC) dos professores do Ex-Território do Amapá, e as primeiras 17 dezessete portarias já foram publicadas com nomes de professores beneficiados.
Para o Senador Randolfe Rodrigues, “É um baita presente de Natal, sem dúvida. Até março de 2019, todos os oitocentos professores devem passar a receber o RSC”, comemorou Randolfe.
O senador disse ainda que o benefício será retroativo ao mês de março de 2013, levando em conta a data que o professor entrou no Ensino Básico Técnico e Tecnológico (EBTT); ou a data que o professor cumpriu os requisitos do RSC nos níveis I, II, ou III.
O RSC representa uma melhoria salarial para o professor, no caso dos profissionais de nível I, por exemplo, que tem graduação o ganho será de R$ 700,00. Para os de nível II, quem tem especialização, o acréscimo de R$ 2.530,00; e os RSC III, quem tem mestrado, o aumento será de R$ 7.050,00.

  • Como fica a situação dos professores da transposição que não deram entrada no tempo hábil para a avaliação do EBTT. O governo estipulou um prazo de 180 dias pra protocolar os pedidos, mas bem todos os professores da transposição sabiam desse prazo e ficaram de fora. Consegui da entrada depois do prazo. A Samp ainda recebeu, meu processo não foi indeferido também não teve andamento, não consegui entender o que aconteceu e simplesmente gostaria de saber como proceder daqui em diante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *