Randolfe articula encontro de Bonilha com provedores do Amapá pela banda larga

A mobilização do Senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) para o acesso à internet banda larga no Amapá de qualidade, rápida e barata continua. Nesta quinta-feira (04), ele realizou duas reuniões para que o processo de implantação da banda larga no estado consiga cumprir o cronograma previsto pela Telebras.

O primeiro encontro foi com o presidente da Telebras, Caio Bonilha. O senador recebeu informações detalhadas sobre as medidas em curto e longo prazo da Telebras para a oferta do serviço, além do cronograma de atividades das obras a abrangência e a capacidade da rede quando ela for disponibilizada.

A partir dessas informações, o senador amapaense definiu com Bonilha uma agenda em Brasília, ainda em agosto, entre o presidente da Telebras e os representantes dos provedores do Amapá.

“É importante que todos conheçam o projeto e fiquem cientes que após a conclusão das obras, a internet a preço de PNBL poderá ser oferecida por qualquer um deles, desde que os provedores aceitem o preço de negociação do Plano Nacional de Banda Larga”.

TCU- A segunda reunião em prol da banda larga no Amapá,  foi com o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), José Jorge, e contou com a presença do Senador Randolfe, os deputados federais  Sebastião Balarocha e Vinicius Gurgel, além da assessora da deputada Fátima Pelaes, Regina Froes.

O ministro do TCU determinou a paralisação do trecho Norte das obras para colocação dos cabos de fibra ótica, que irão possibilitar a chegada da banda larga. O processo aponta problemas nos valores da obra. Randolfe solicitou que a deliberação sobre o processo seja colocada na pauta de votações do TCU da próxima semana. O pedido será atendido pelo ministro José Jorge.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *