Randolfe elogia lançamento do Programa de Construção de Unidades Fluviais de Saúde

O Senador Randolfe Rodrigues marcou presença nesta quarta-feira (24) no Lançamento do Programa de Construção de Unidades Fluviais, do Ministério da Saúde, voltado principalmente ao atendimento das populações dos municípios da Amazônia e do Pantanal.

 

O evento, aberto pelo Ministro da pasta, Alexandre Padilha, contou com a participação do secretário estadual de Saúde do Amapá, Edilson Pereira, além de diversos secretários estaduais, municipais e de técnicos na área de Saúde dos Estados da Amazônia e Mato Grosso.

 

Durante a programação foi destacado pelo Ministério a importância da atuação de Randolfe na articulação dos Municípios amapaenses, apoiando ações de mobilização e informação. Em reunião no início do mês, no Ministério da Saúde com prefeitos e secretários municipais do estado, Randolfe anunciou sua decisão de destinar 50% do valor de suas emendas para a área da saúde.

 

“Esse é mais um programa do Ministério da Saúde que irá atender as especificidades da Amazônia. Nosso estado carece de atenção especial nessa área e pouco a pouco conseguiremos melhorar as condições da saúde no Amapá. Agora em parceria com a Secretaria de saúde do estado, definiremos as ações emergências para essa área”, ressalta Randolfe.

 

Segundo Paulo de Tarso, Diretor do Departamento de Monitoramento e Avaliação do SUS, da Secretaria Executiva do Ministério da Saúde, e Hêider Pinto, Diretor do Departamento de Atenção Básica, o Programa de Construção de Unidades Fluviais soma-se aos demais lançados pelo Governo, que visam o atendimento diferenciado para as populações da Amazônia, aproveitando inclusive as experiências locais.

 

O programa, por meio de chamada pública aberta até o final de setembro, irá financiar  inicialmente a construção e equipamento de 16 unidades fluviais de saúde, oito das quais ainda este ano e a demais com recursos do orçamento de 2012. Os governos estaduais e municipais da Amazônia e Pantanal precisam, pois, estar atendo ao Edital e providenciar a apresentação dos projetos no SICONV.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *